Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, 22 de março de 2013

"Falling in love again"

Sorrimos juntos, trocamos olhares durante a noite toda e o olhar dele me chamava, era aceso, firme, provocativo mas ao mesmo tempo me passava serenidade. Sem jeito em uma situação como essa, fazia tanto tempo, levava os dedos pelo cabelo passando-o para trás, fazendo meu jogo, ria com as garotas, bebia alguma coisa, mas sempre achava uma forma de voltar a olha-lo. E lá estava ele, me olhando, sabe quando o coração fica a  mil e você não sabe bem o que fazer, mas fica ali, fazendo o jogo? Então ele sorriu, e sem perceber sorri junto, não pensei em nada naquela noite, porque mesmo que os dois possam esperar coisas diferentes da noite, era uma noite longa, e eu tinha tempo bastante pra gastar, queria gastar. Como desculpa pra ele me encontrar sozinha, fui ao bar, sem olhar pra ele mas com a esperança de que me seguisse, afinal, quem nunca fez isso? Mas então peguei o drinque e saí, voltando para perto das garotas, nesse meio tempo, senti um arrepio, uma mão quente tocando de leve a minha, olhei pra trás e ali estava ele de novo.
 Logo a lembrança saiu de cena e encarei nosso retrato juntos com um meio sorriso, sentia sua falta, falta do seu sorriso sobre tudo, devolvi o retrato à estante da sala devagar, pensando que naquela noite conheci alguém inimaginável e que sair de casa foi a melhor coisa que fiz, e após ter partido, agora era a primeira vez em que tinha coragem para sair novamente, fui ao jardim, não foi nenhuma viagem, mas foi um passo, que independente de onde, sei que ele me quer feliz, assim como me fez durante tanto tempo..


Nenhum comentário: